10-0!... Águia insaciável impõe goleada histórica

10-0!… Águia insaciável impõe goleada histórica

O Benfica goleou o Nacional, por 10-0, em jogo a contar para a 21.ª jornada da I Liga. Com este resultado, os encarnados ocupam o segundo lugar com 50 pontos, menos um do que o FC Porto.

Goleada histórica! O Benfica goleou o Nacional, este domingo, por 10-0, em jogo referente à 21.ª jornada do campeonato nacional, e encurtou a distância para, apenas um ponto, para o líder FC Porto.

Os golos começaram cedo. Muito cedo. Ainda antes de o relógio marcar o primeiro minuto de jogo, já os adeptos do Benfica festejavam o golo de Grimaldo, com Seferovic na assistência.

Os insulares pagaram bilhete?

O Nacional não conseguiu reagir à desvantagem. Aliás, a equipa orientada por Costinha estava apagada e desligada. Como se não tivesse saído do balneário. Limitando-se, apenas, a assistir ao ‘estrangulamento’ que a águia tinha acabado de começar.

Os encarnados aproveitavam e, tendo como objetivo vencer para pisar os calcanhares ao dragão, os golos continuaram. Félix serviu Seferovic para o 2-0 (22′) e André Almeida assistiu o bis do suíço (27′).

A vencer por 3-0, o Benfica mostrava-se muito confortável na partida, principalmente, porque não sentia perigo por parte do adversário. No entanto, desengane-se quem pensou que o marcador ficava por aqui. Se na primeira parte o Nacional sofreu três golos, na segunda parte… sofreu sete.

Golos, golos e mais golos… Um festival de golos

Começou com uma cabeçada triunfal de João Félix, aos 50 minutos, depois de um livre cobrado por Pizzi. Dois minutos depois, Pizzi converteu uma grande penalidade e, aos 56′, Ferro cabeceou para o 6-0. Já dentro da última meia hora (64′), Rúben Dias assinou o 7-0.

Se o Nacional mal marcou presença no relvado do Estádio da Luz, nesta altura, a formação orientada por Costinha parecia um ‘fantasma’. Os jogadores estavam de cabeça perdida, sem capacidade, sequer, para construir uma jogada.

Na reta final ainda houve tempo para mais três golos. Jonas aproveitou um livre para fazer o 8-0 (85′) e, três minutos depois, Rafa Silva assinou o 9-0. No último minuto, Jonas ainda teve tempo para bisar e selar um histórico 10-0, uma goleada nunca antes assinada pelos encarnados, para o campeonato nacional.

Com este resultado, o Benfica soma 50 pontos, na segunda posição, menos um ponto do que o FC Porto, que está na liderança da competição.

Momento do jogo: Grimaldo abriu o ativo, logo no primeiro minuto, e deixou o Nacional sem capacidade de resposta e sem capacidade para tentar pegar no jogo.