Após o regresso campeonato Carioca suspenso por decreto

Prefeitura do Rio de Janeiro quer adequar protocolos sanitários federativos ao municipal.

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, decretou este sábado a suspensão dos eventos desportivos à porta fechada, pelo que o campeonato carioca de futebol, retomado na quinta-feira, deve ser paralisado até 25 de Junho.

De acordo com o documento publicado no Diário Oficial do município, a decisão tem como objectivo adequar “os protocolos sanitários apresentados pelas federações desportivas ao protocolo sanitário municipal”.

O documento refere ainda que são necessárias inspecções prévias nos centros de treino das equipas para verificar se está a ser cumprido o protocolo sanitário municipal.

Caso os clubes do Rio de Janeiro possuam centros de treino fora do município terão de apresentar, até 25 de Junho, um relatório de inspecção sanitária do órgão municipal competente.

O decreto refere ainda que, para o retorno das actividades desportivas, as entidades terão de se submeter, por ofício, às entidades sanitárias da prefeitura.

O futebol regressou quinta-feira no Brasil, três meses e quatro dias após a interrupção, devido à pandemia de covid-19, com o Flamengo, do treinador português Jorge Jesus, a vencer por 3-0 o Bangu, na quarta ronda da Taça do Rio, a segunda fase do campeonato Carioca.