Avião já partiu para o Rio de Janeiro para repatriar portugueses

Um avião com capacidade para 254 passageiros descolou, na tarde de domingo, do Terminal Civil Aeronáutico de Beja com destino ao Rio de Janeiro, para fazer o repatriamento de portugueses retidos no Brasil, face à pandemia de Covid-19.

O Airbus A340-300 descolou das pistas da Base Aérea 11 às 19 horas de domingo, tendo como destino a “Cidade Maravilhosa” e com duas tripulações a bordo (24 pessoas ao todo), por forma a realizarem a viagem de ida e volta a Portugal.

A tutela respondido apenas que o voo “não foi fretado pelo Governo Português”. Mas fonte da ANA-Aeroportos confirmou que o voo “tinha como destino o Rio de Janeiro e que voltaria a Portugal com cidadãos lusos”, não detalhando quantos.

No site da Hi Fly, a companhia aérea portuguesa justificou que está a fazer “dos voos de repatriamento uma realidade”, por forma a levar as pessoas para as suas famílias. “A nossa excelente equipa está heroicamente a intensificar-se, causando um impacto positivo no mundo. Nós voamos. Nós importamo-nos”, pode ler-se.