Home / Desporto / Bronca em Alvalade: Acuña ‘explode’ e recusa defrontar Vitória FC

Bronca em Alvalade: Acuña ‘explode’ e recusa defrontar Vitória FC

Internacional argentino queixa-se de promessas não cumpridas por parte da direção do Sporting.

Está instalada uma nova polémica em Alvalade, desta feita tendo como protagonista Marcos Acuña, que ficou de fora da lista de convocados de Jorge Silas para a deslocação ao Bonfim, onde o Sporting irá defrontar o Vitória FC para a 16.ª jornada da I Liga.

Segundo adianta, este sábado, o jornal O Jogo, a exclusão terá sido motivada por uma discussão que teve lugar na Academia de Alcochete na passada quarta-feira, entre o internacional argentino e Hugo Viana.

O jogador terá confrontado o diretor desportivo do clube de Alvalade com o alegado não cumprimento de promessas que lhe foram feitas por parte da direção, entre elas a de uma melhoria contratual.

A ‘gota de água’ terá sido a ‘nega’ dada às propostas de Inter de Milão (empréstimo com opção de compra de dez milhões de euros) e de Zenit (16 milhões de euros, mais quatro milhões de euros por objetivos).

A relação entre ambas as partes está mais deteriorada do que nunca, com a direção leonina a equacionar, neste momento, aplicar um processo disciplinar a Marcos Acuña, que já teria ameaçado não ir a jogo diante do Portimonense, em dezembro.