Colisão violenta entre motociclo e ligeiro provoca um morto

Colisão violenta entre motociclo e ligeiro provoca um morto

Vítima era pai do menino que caiu da janela de um terceiro andar, há dois anos, e que se salvou por milagre.

Um jovem de 27 anos perdeu a vida na sequência de uma colisão, na noite da passada sexta-feira, na estrada regional 315, entre Cabanelas e Valongo das Meadas, no concelho de Mirandela.

Cerca das 19 horas, Luís Carlos Pires fazia a viagem de regresso a Mirandela, onde residia, depois de mais um dia de trabalho numa empresa de construção civil, sediada em Cabanelas, de onde era natural.

Pouco depois de arrancar na sua “scooter”, terás sido surpreendido por uma viatura que seguia em sentido contrário, mas na sua faixa de rodagem, supostamente, após ter efetuado uma ultrapassagem mal calculada, vindo a embater com violência no motociclo. O jovem de 27 anos foi cuspido para fora da estrada.

De imediato foram acionados os meios de socorro para o local do acidente, nomeadamente 8 operacionais e 4 viaturas, dos bombeiros voluntários de Mirandela, do INEM e da GNR.

Após várias tentativas de reanimação, o médico da equipa da VMER (Viatura Médica de Emergência e Reanimação) declarou o óbito no local, sendo o corpo da vítima transportado para a morgue do hospital de Mirandela, onde será sujeito a autópsia, apenas, na manhã de segunda-feira.

Luís Carlos Pires deixa a mulher e dois filhos menores, um deles, o Lucas, que foi protagonista de um episódio muito mediático, há dois anos, quando caiu da janela do terceiro andar do apartamento onde vivia, que o deixou em coma alguns dias.

Hoje, com quase 4 anos, está perfeitamente recuperado, mas perdeu agora o pai neste acidente de viação.