Dois portugueses detidos no Brasil por suspeitas de tráfico de droga

Tinham na sua posse cerca de duas toneladas de haxixe.

Dois homens, um de 41 e outro de 27 anos, foram detidos esta quinta-feira em Fortim, no Brasil, com cerca de duas toneladas de haxixe na sua posse, informou hoje, sábado, o governo português que está a acompanhar a situação.

No local, é a vice-cônsul de Portugal que acompanha a situação em Fortaleza, Cristina Pedroso, que, inclusive, já visitou os dois homens.

De acordo com o jornal brasileiro O Povo, as autoridades referem ainda que existe um terceiro elemento no grupo que se encontra em fuga, também de cidadania portuguesa.

A polícia militar, ao jornal brasileiro, indicou que que os dois portugueses não têm antecedentes criminais e que foram capturados em separado, não tendo oferecido resistência às autoridades.

“Nós imaginamos que [a droga] tenha vindo do norte da África, próximo da Península Ibérica, pelo oceano. Em território brasileiro, foi transportada para uma embarcação de menor porte e ela atracou em algum cais marítimo em Fortim”, disse aos jornalistas o delegado da DCTD, Ismael Araújo.

Os dois suspeitos estão detidos na sede da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas, em Fortaleza.