Home / Comunidades Emigrantes / França : Emigrante português foi morto com várias facadas

França : Emigrante português foi morto com várias facadas

Um português de 39 anos foi morto com dezenas de facadas sábado à tarde em Carbonne, perto de Toulouse, em França, noticia o jornal “La Depeche”. Crime terá motivos passionais e o suspeito entregou-se.

A vítima é Sérgio Rodrigues, natural de Vizela, que residia na rue Jean-Jaurès, 7, no coração da cidade de Carbonne, com quase 6 000 habitantes. Foi ali, em casa, que Sérgio foi brutalmente assassinado com várias facadas, ao início da tarde de sábado.

Quando os bombeiros chegaram ao local, perto das 14 horas, Sérgio já estava morto. A cena do crime foi selada para investigações e, ao final da tarde, as autoridades confirmaram ao jornal “La Depeche” que um indivíduo estava “sob custódia”, depois de se ter entregado no posto da “Gendarmerie Nationale”, a força militar de autoridade francesa, equivalente à GNR em Portugal.

Às autoridades, o suspeito terá confessado ser o autor do crime, cujos motivos estão a ser investigados. As primeiras informações apontam para que se tenha tratado de um crime relacionado com motivos passionais. O Ministério Público de Toulouse não adiantou, ainda, qualquer informação, mas está agendada uma conferência de imprensa para o final da tarde desta segunda-feira.

Sérgio Rodrigues é casado com uma mulher de nacionalidade francesa, relação da qual nasceu uma filha menor. A família de Sérgio reside em Santo Adrião, concelho de Vizela, e já viajou para França para tratar das cerimónias fúnebres e tentar perceber as circunstâncias em que se deu este presumível homicídio.