Home / Brasil / Mata companheira e ex-vizinho por ciúmes. Vítima masculina era gay

Mata companheira e ex-vizinho por ciúmes. Vítima masculina era gay

Brasileiro acreditava que a mulher e o amigo estavam a ter um caso, mas o jovem tinha uma relação com outro homem há mais de cinco anos.

Um militar aeronáutico, de 56 anos, matou, esta quarta-feira, a mulher, de 57 anos, e o ex-vizinho, de 41, no estado brasileiro de São Paulo, por desconfiar que estes tinham um caso.

O homem, que já foi detido e aguarda agora julgamento em prisão preventiva, matou a companheira e o amigo a tiro.

Às autoridades, o militar confessou o crime e revelou ter agido por ciúme. O que ele não sabia é que o homem que estava a conversar com a mulher era homossexual e, inclusive, tinha um relacionamento com outro homem há mais de cinco anos.

Conta o site G1 que o companheiro da vítima mortal masculina acabou mesmo por assistir ao crime, mas não conseguiu travar os homicídios.

Já o militar e a mulher estavam casados há 32 anos.

pub