O misterioso peixe que deu à costa numa praia da Califórnia

Um peixe muito raro, que apenas costuma viver nas águas do hemisfério sul, deu à costa na Califórnia, em Santa Barbara.

Conhecido como mola tecta, um tipo de peixe-lua, o animal, com mais de dois metros, deixou surpreendidos os cientistas que não conseguem explicar como é que o peixe foi parar às aguas do hemisfério norte.

Uma investigadora da Universidade da Califórnia vislumbrou o estranho animal na reserva natural de Coal Oil Point. Segundo a BBC, os cientistas demoraram cerca de duas semanas a identificar o animal, que apenas foi descoberto em 2017.

As imagens da estranha descoberta foram colocadas na página oficial daquela reserva natural e rapidamente vários seguidores se prontificaram para ajudar os especialistas a identificarem o animal.

“Quando vi as fotografias, não tive grandes dúvidas”, disse Marianne Nyegaard, a especialista em vida marinha, que descobriu a espécie em 2017 e alertou os responsáveis pela reserva natural. “Nem pude acreditar. Quase caí da minha cadeira”, admitiu, surpreendida por este tipo de peixe ter cruzado as aguas até ao hemisfério norte.

O peixe apenas foi visto nas águas da Austrália, Nova Zelândia, África do Sul e Chile. “É, por isso, que se torna tão estranho que o animal tenha aparecido naquelas águas”, sublinhou a especialista.